fbpx
Edson Martinho Chini é o novo Diretor Financeiro e de Investimentos da BB Previdência

Edson Martinho Chini é o novo Diretor Financeiro e de Investimentos da BB Previdência

A BB Previdência tem um novo Diretor Financeiro e de Investimentos. Funcionário de carreira do Banco do Brasil há mais de 28 anos e membro suplente do Conselho Fiscal da BB Consórcios, Edson Martinho Chini tomou posse nesta sexta-feira (28.01).

Chini assumiu a vaga de Gustavo Garcia Lellis, que passa a ser Diretor de Suprimentos, Infraestrutura e Patrimônio do Banco do Brasil. O novo diretor da BB Previdência terá pela frente o desafio de dar continuidade à transformação digital da Entidade e à eficiência da gestão em um cenário de volatilidade do mercado global. No Programa de Investimentos da Entidade, o novo Diretor traz em sua bagagem experiência de projetos que facilitarão a automação dos processos, a comunicação e inovação, além de estimular tanto a gestão da performance quanto a inteligência analítica de todo o time.

“Momentos como o atual fazem parte da trajetória de quem administra investimentos de longo prazo, como a BB Previdência. Nosso desafio é também a oportunidade de encontrar as melhores práticas nesse cenário para diversificar, de forma eficiente, as carteiras de cada plano da Entidade. Vamos buscar resultados à altura do sólido histórico da BB Previdência, mantendo sempre a devida visão de longo prazo”, afirmou Chini.

Leia também: Saiba como a BB Previdência protege seus investimentos da volatilidade

Chini ocupava o cargo de Gerente Executivo da Diretoria de Suprimentos, Infraestrutura e Patrimônio do Banco do Brasil, sendo responsável pela gestão de orçamento anual superior a R$ 6 bilhões. Antes, exerceu diferentes funções na instituição, com longa trajetória em atividades ligadas ao agronegócio.

Graduado em Direito pelo Centro Universitário de Brasília, Chini tem ainda no currículo um MBA em Marketing e Comunicação, pela FIA, e diversos cursos em finanças, gestão e governança por instituições como Fundação Dom Cabral, FGV, BM&F Brasil, Insper e Gartner.

Outro ponto importante ressaltado por Edson Chini é a importância do relacionamento com os clientes para promover experiências segmentadas. Projetos estes, que o Diretor dará continuidade juntamente com Cristina Yue, Diretora de Operações e de Relacionamento com os Clientes. Segundo Chini, é fundamental não só tranquilizá-los em relação à condução da Política de Investimentos, mas também apresentar as oportunidades vislumbradas pelo cenário atual no âmbitos dos investimentos de longo prazo.

“Queremos nos aproximar ainda mais dos Participantes até para reforçar que estamos diante de importantes oportunidades de investimento. Considerando a qualidade dos ativos investidos pela nossa equipe, adquirir cotas desvalorizadas no atual momento pode levar a maiores rendimentos na retomada. Confiança é fundamental para alcançar os melhores resultados nesse cenário”, afirmou.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.