fbpx
Como colocar em prática o consumo consciente no seu dia a dia

Como colocar em prática o consumo consciente no seu dia a dia

Na data em que é comemorado o Dia do Cliente, queremos propor uma reflexão: você pratica o consumo consciente? Segundo pesquisas, a maior parte da população brasileira já entende a necessidade de pensar a melhor forma de escolher e consumir produtos ou serviços. Por outro lado, os números também revelam enorme dificuldade para criar novas rotinas mais sustentáveis.

Confira abaixo a importância do consumo consciente e veja como você pode colocá-lo em prática no seu dia a dia:

  • O que é consumo consciente

Consumir conscientemente significa fazer escolhas que levam em consideração os impactos sobre o meio ambiente, a sociedade e as suas finanças. Em outras palavras, você passa a se fazer uma série de perguntas antes de adquirir um produto ou serviço, como:

-Eu realmente preciso disso?
-Tenho condições financeiras de fazer essa compra?
-Em caso de financiamento, minhas finanças comportam esse endividamento?
-Existe alguma alternativa mais acessível com a mesma qualidade?
-Isso foi produzido de forma sustentável em relação ao meio ambiente?
-Essa empresa respeita os seus funcionários?
-O produto faz algum mal à minha saúde?
-Como farei o descarte da embalagem ou dos resíduos deste produto?
-Consigo reaproveitá-lo?

Aqui, é fundamental entender que as melhores práticas não estão necessariamente acessíveis a todos, seja pela dificuldade em conseguir informações ou mesmo por uma questão financeira. Você pode, por exemplo, saber a importância de consumir alimentos orgânicos, mas não dispor de recursos para incluí-los integralmente na sua dieta.

Assim, o consumo sustentável deve ser tratado como a melhor escolha possível dentro da sua realidade. Cada decisão tomada desta forma faz parte de um processo de aprendizado e mudanças que, apesar de longo, provoca efeitos imediatos.

  • Benefícios do consumo consciente

Ao fazer a melhor escolha possível de consumo ao seu alcance, você:

-Melhora a gestão das suas finanças pessoais;
-Utiliza o seu dinheiro de forma mais inteligente;
-Pode economizar para investir no seu futuro;
-Reduz o seu impacto no meio ambiente, tanto direta quanto indiretamente;
-Cuida da sua saúde e do seu bem-estar;
-Apoia cadeias produtivas que valorizam as pessoas.

  • Escolhas de consumo

Ter um planejamento de compras baseado essencialmente nas suas necessidades é o primeiro passo para combater um grande vilão do consumo consciente: o impulso. Decisões motivadas por desejos e emoções podem deixar em segundo plano a sua capacidade financeira de pagar pelo produto ou serviço adquirido.

Por isso, a sua decisão de compra deve sempre partir das suas finanças. O consumo consciente começa na sustentabilidade pessoal, avaliando como é possível ter melhores hábitos utilizando os recursos dos quais você dispõe.

A etapa seguinte é, dentro da sua realidade, analisar as opções disponíveis e acessíveis. Certamente, em muitas oportunidades você não terá todas as respostas, mas procure avaliar os diferentes impactos daquele produto ou serviço ao tomar uma decisão.

  • Ao alcance de todos

Por outro lado, há uma série de atitudes fundamentais para o consumo consciente que podem ser adotadas por qualquer pessoa. Por mais simples que pareçam, são comportamentos de grande impacto, especialmente se praticados em larga escala.

É o caso do consumo racional de água e luz. Evitar lâmpadas acesas desnecessariamente, fechar a torneira enquanto escova os dentes, esperar os alimentos esfriarem antes de guardá-los na geladeira e desligar eletrônicos que não estejam sendo utilizados são ações que produzem impacto imediato no meio ambiente e nas suas finanças.

O mesmo se aplica à forma como você trata o lixo que produz. É muito importante reutilizar embalagens sempre que possível, separar os resíduos que podem ser encaminhados para reciclagem e se informar sobre a existência ou o funcionamento da coleta seletiva onde você mora.

Por fim, é necessário conversar com as pessoas ao seu redor sobre a importância do consumo consciente. Mostrar o impacto positivo das suas ações pode inspirar e motivar outros a seguirem o mesmo caminho.

  • Investimento no futuro

Ao incorporar o consumo consciente no seu dia a dia, você poderá usufruir de novas economias. Pense nelas com a mesma visão sustentável com que planeja as suas compras, substituindo gastos desnecessários por investimentos no seu futuro.

Na sua Previdência Complementar, por exemplo, os valores economizados podem se transformar em contribuições esporádicas, que aumentam o investimento na sua aposentadoria e podem até render deduções na base de cálculo do Imposto de Renda.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *